Um site para quem precisa da Verdade
ARTIGOS (Robustecendo a Fé)
Obediência barata

Mauro Clark


A mulher deu o último gole no copo de plástico, percebeu a meio metro um depósito de
lixo e jogou o copo na direção do cesto. À primeira vista, ali estava uma pessoa civilizada,
contribuindo para manter a cidade limpa. Mas o que aconteceu mostrou que a realidade era outra.
No momento do arremesso, uma lufada de vento desviou o leve copo da trajetória,
levando-o a cair ao lado do cesto. A mulher olhou com descaso para o copo no meio da
calçada e simplesmente passou adiante. Sua disposição de ser uma boa cidadã não fora
além de jogar ao lado um copo de algumas gramas. Abaixar-se para completar a ação, seria demais.

Qualquer pastor que pergunte do púlpito quem deseja obedecer a Deus, verá uma
floresta de braços levantados, de todo tamanho e espessura. Todos gostam de expressar
sua vontade de seguir a Deus.

O problema é que muitos querem obedecer a Deus no mesmo estilo em que a mulher do
copo se dispunha a seguir as regras da boa cidadania: comodamente e com esforço zero.
É  gostoso e fácil ser fiel quando tudo está calmo. Mas não demoram a soprar os ventos das provações, das tentações e das dificuldades, ameaçando levar para longe do aIvo o objetivo de agradar a Deus. São nesses mementos críticos que fica em cheque a genuinidade da nossa disposição de obedecer a Cristo. Estamos dispostos a pagar o altíssimo preço da obediência - em forma de amor ao próximo, de sacrifício pessoal, de resistência ao mal, de perdão, de honestidade, de desprezo às coisas do mundo? Ou nos recusamos a envidar o mínimo esforço necessário para sermos fiéis?

Cuidemos de não mostrar aos irmãos em Cristo e ao mundo em geral, pouco mais do que uma obediência barata, comprada com meros trocados de procedimentos fáceis e comodistas. Testemunhos desse tipo podem até resistir a um olhar rápido e superficial. Mas desabam como castelo de areia quando provados à luz das Escrituras, que exigem do filho de Deus um testemunho decidido, poderoso, viril, heróico e até manchado de sangue, se preciso for.

Um sopro de vento revelou o fraco objetivo daquela mulher, tirando-a da companhia
de pessoas civilizadas - a que ela por um momento parecia pertencer -, e a colocou ao lado de mal educados.
Que a sua determinação de agradar profundamente a Cristo, seja firme o suficiente para resistir aos maiores vendavais que o inimigo consiga criar para lhe fazer desistir. Com certeza, Deus honrará os seus esforços e lhe ajudará a alcançar o doce alvo de ser considerado servo bom e fiel, convidado a entrar no gozo do Senhor.



Ministério Falando de Cristo
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." (1 Co 1.24b)
Copyright 2004-2012. Todos os direitos reservados. http://www.falandodecristo.com