Um site para quem precisa da Verdade
ARTIGOS (Robustecendo a Fé)
Paz (3a. parte)

Mauro Clark


Tenho comentado em artigo anterior que os homens não têm paz porque já nascem desligados do seu Criador, são agressivos a Ele, declaram-lhe guerra, e o pior, têm sistematicamente rejeitado a reconciliação que Ele propõe através de Jesus Cristo.
Falei que essa rejeição não tem sido total: alguns poucos têm crido e obedecido a Cristo como Salvador pessoal.
Fizemos então a pergunta: E o que acontece, em relação à paz, com aqueles que assim tem agido?
Vejamos o que a Bíblia diz: Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus, por meio de nosso Senhor Jesus Cristo. (Rm 5.1)

Aquele que tem fé no Senhor Jesus, é de tal forma identificado com Ele aos olhos de Deus, que é considerado justo como o próprio Jesus, ficando em condições de ter relacionamento com Deus. Em suma, a paz perdida com o Criador é plenamente restaurada.  A conseqüência disso é maravilhosa. Cristo disse: Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vô-la dou como dá o mundo. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize. (Jo 14.27)

A paz que Jesus dá aos crentes não é uma paz instável, circunstancial, ilusória, como a que o mundo oferece. Mas uma paz segura, interna, independente das circunstâncias. Uma paz divina, que nos capacita a enfrentar qualquer tipo de adversidade sem desespero nem pânico, mas com grande força interior. E essa paz de Cristo funciona como um termômetro na vida do crente: Seja a paz de Cristo o árbitro em vossos corações, à qual também, fortes chamados em um só corpo: e sede agradecidos” (Cl 3.15).

Quando estamos em paz, conosco mesmo, com os outros e com Deus, essa paz de Cristo atua como um juiz que aprova o nosso procedimento. Mas se percebemos que esta paz está querendo nos deixar, é como se o juiz estivesse nos alertando de alguma coisa errada que precisa ser corrigida.
O crente deve conviver dia a dia  com paz divina: Em paz me deito e logo pego no sono, porque, Senhor, só tu me fazes repousar seguro”. (Sl 4.8).

Quantas pessoas por aí dariam tudo somente para terem noites tranqüilas. Talvez o que esteja faltando é entregar o coração a Cristo! Experimente...
E mais: toda essa paz que os crentes sentem em Cristo, durante esta vida, ainda é pouca, comparada coma a que teremos no futuro, quando o Senhor Jesus voltar para estabelecer o seu reino: Mas os mansos herdarão a terra, e se deleitarão na abundância de paz. (Sl 37.11)

Se ainda não é o seu caso, apelo para que você faça as pazes com Deus, através do Senhor Jesus Cristo. E veja como entrará no seu coração uma paz que você nunca nem imaginou que existia!



Ministério Falando de Cristo
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." (1 Co 1.24b)
Copyright 2004-2012. Todos os direitos reservados. http://www.falandodecristo.com