Um site para quem precisa da Verdade
ARTIGOS (Semeando a Palavra)
A culpa é sua!

Mauro Clark


- A culpa é dele!

A cena é bem conhecida: duas pessoas tentam explicar a uma terceira, algo que saiu errado. Com acusações mútuas, cada uma se esforça para se isentar e comprometer a outra de qualquer jeito.

Quando alguém sabe que teve culpa mas age assim, está errando duplamente.

Primeiro, porque não reconhece o próprio erro. Sabe que falhou, mas o orgulho não lhe permite confessar. Então diz exatamente o contrário (às vezes até gritando, para impressionar melhor). Esse tipo de gente quer dar a impressão que sempre está com a razão, até mesmo numa simples discussão de futebol.

Segundo, além de se declarar inocente, joga a culpa sobre o outro. Além de orgulhoso, é também irresponsável. Mente e acusa, causando dano ao próximo. O que não quis para si, apesar de lhe ser devido, tenta empurrar para o outro, sem se preocupar em que isso poderá prejudicá-lo.

Infelizmente a grande maioria das pessoas age assim. na infância essa atitude pode ser facilmente observada. Talvez você não se recorda da última vez que ouviu uma criança dizer: Papai, ele não tem nada a ver com isso; a culpa é toda minha.

Os homens estão sempre prontos a retirarem de si a responsabilidade e colocarem sobre outro, mesmo que o outro seja... o próprio Deus! E aqui chegamos ao coração do nosso assunto. Muita gente não hesita em julgar a Deus e considerá-lo culpado por tudo de ruim que acontece neste mundo.

Dor, tristeza, angústia: Culpa de Deus. Briga, guerra, corrupção: Quem fez o mundo assim, não foi Deus? Pobreza, fome miséria: Injustiça de Deus”. Agonia, sofrimento, morte: Maldade de Deus.

está, em poucas palavras, a explicação simplória que milhões de pessoas dão aos problemas desta vida. Claro que, nesse contexto, o homem se torna uma pobre vítima nas mãos de um Deus genioso, de qualidades duvidosas e o grande culpado por tudo.

Que falta de conhecimento de Deus no coração deste povo! Que ignorância dos ensinamentos da Bíblia. Fazem vista grossa quando lêem passagens como: Portanto, assim como por um entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens porque todos pecaram”. Rm 5.12.

 Em outras palavras, o homem é o grande e único responsável pela morte e todas as funestas conseqüências que ela trouxe a este mundo. O trecho é cristalino: a morte entrou no mundo pelo pecado de um homem, e não por culpa de Deus. Daí em diante, os homens se tornaram pecadores inveterados, rebeldes e separados de Deus. Maquinam toda sorte de mal. São orgulhosos, egoístas, ambiciosos e cheios de ódio no coração. Prejudicam uns aos outros sem o menor peso na consciência. Para si, tudo; para o próximo, pouco (ou talvez, nada). É por isso que se acusam injustamente, sem o menor constrangimento.

Fique certo que você é quem tem culpa diante de Deus, jamais o contrário. Você é que tem ofendido a Deus e pecado contra Ele. Você é que tem contas a prestar com o seu Criador. Desista de querer acusar a Deus e julgá-lo culpado por coisas que você não entende. Confie na justiça dele. Assuma a sua responsabilidade por tudo de ruim que fez e agradeça a Deus pela paciência com que lhe tem suportado e lhe mantido com vida. E acima de tudo, agradeça a Ele por Cristo, que assumiu uma culpa que não era dele e se dispôs a perdoar quem tão somente cresse nEle o O obedecesse.



Ministério Falando de Cristo
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." (1 Co 1.24b)
Copyright 2004-2012. Todos os direitos reservados. http://www.falandodecristo.com