Um site para quem precisa da Verdade
PREGAÇÕES

É sério: eu venci o diabo! (Aos jovens 3/3)


Mauro Clark - 26/08/2017



1 João 2.14c

Jovens: em termos espirituais ou cronológicos? Tendo mais a segunda, mais literal.

Mesmo assim, como geralmente os mais velhos, pela própria idade, são mais maduros espiritualmente, deve haver intercessão das duas interpretações.

Consideremos então que João se dirigiu aos crentes jovens da região (sua 1ª epístola era geral, provavelmente para igrejas da região de Éfeso, onde talvez morasse).


João indicou 3 motivos pelos quais incluía os jovens na sua carta.

É afirmação ou exortação? As duas! Se uma não fosse fato, passaria para a outra.


Motivos:

1) porque sois fortes

Vimos quatro aspectos da força do jovem: disposição física, entusiasmo para enfrentar desafios, tendência de atualizar e a beleza da juventude

Falei que era importante essa força ser canalizada para o bem, para o que agrada a Deus. Ou seja, que toda essa força fosse transformada em força espiritual.


Mas a força por si só não é garantia de agrado a Deus. Quando a força se associa com rebeldia a Deus, é o contrário.

João alista então com o 2º propósito pelo qual se dirigia aos jovens:


2) ... e a palavra de Deus permanece em vós

Vimos três condições para que isso ocorra:

a) Conhecer cada vez mais a Palavra

b) Deixar-se influenciar por essa Palavra

c) Praticar essa Palavra

Então, quando se soma a força de um jovem com o conhecimento bíblico e a obediência à Palavra de Deus, obtém-se uma combinação poderosa a serviço do reino de Deus.

E quando se juntam muitos jovens nessa condição, o resultado é um grupo de enorme valor ao Evangelho, fundamental para a igreja ser ativa e saudável - tanto na agressividade benigna do cristianismo, quanto a capacidade de se defender de ataques.

Hoje veremos o terceiro propósito pelo qual João se dirigia aos jovens.


3) ... e tendes vencido o Maligno

Antes de tudo, não pense que sua força chega até esse ponto.

Nenhuma criatura tem esse poder, exceto o Homem Jesus Cristo, que também é Deus.

Sem Ele, nada podemos fazer.


Então, como João diz que temos vencido o Maligno?

Porque em Cristo nós de fato vencemos: Ap 12.9-11; Jo 15.5; 1Co 15.57


Só que aqui entra algo muito interessante e importante: o fato de só vencermos o maligno se for “em Cristo”, não significa que esse seja uma luta só dEle.

Você precisa encarar a luta espiritual como sendo propriamente sua:

Lutar para resistir ao diabo é uma luta sua: Tg 4.7; 1Pe 5.8-9

Lutar para não dar lugar ao diabo é uma luta sua: Ef 4.27; 6.11-12

Lutar para fugir das tentações é uma luta sua: Mt 6.13

Lutar para evitar o mal é uma luta sua: 2 Tm 2.16, 19b, 22, 23

Lutar para dar bom testemunho é uma luta sua: Ap 12.9-11

Lutar para não amar a própria vida é uma luta sua: Ap 12.9-11

Lutar para sujeitar-se e achegar-se a Deus é uma luta sua: Tg 4.7-8


Talvez aqui haja um ALERTA e uma PALAVRA DE ÂNIMO aos jovens.

Alerta de que a luta contra o diabo, mesmo decidida na conversão, continua dia a dia. Palavra de ânimo porque o apóstolo confiava que eles tinham plenas condições de continuar vencendo.

Bastava que utilizassem a força característica da mocidade com a permanência da Palavra de Deus neles.

A fórmula com certeza funcionaria.

Um jovem fiel a Cristo, comprometido com os padrões de Deus, é um jovem que, com o poder do Espírito Santo, vence até o diabo.


Não sei o grau de vitória que vocês, individualmente e em grupo, têm conseguido obter contra Satanás.

Mas qualquer que seja este grau, pode ser ainda mais elevado.

Para isso basta crer, crer e crer. 1Jo 5.5

- Mas eu já creio! Pois trate de crer cada vez mais. Peça como os apóstolos: Lc 17.5 


Feliz a igreja cuja Mocidade resolve, jovem a jovem, levar isso a sério.

Que igreja forte será, vibrante, alegre em Cristo, vitoriosa.

Que todos possamos dizer cada vez mais: feliz a Luz do Mundo, com os jovens que têm!


Que Deus nos abençoe. Amém




Ministério Falando de Cristo
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." (1 Co 1.24b)
Copyright 2004-2012. Todos os direitos reservados. http://www.falandodecristo.com