Um site para quem precisa da Verdade
PREGAÇÕES

Reconhecer-se pecador não é conversão


Mauro Clark - 22/04/2018
37 minutos




Êxodo 9

RECONHECER-SE PECADOR NÃO É CONVERSÃO

Êxodo 9


v. 9.1-7

Numa nova chance, ameaça e cumprimento da 5a. praga: peste nos animais egípcios

Os judeus foram novamente poupados.

Faraó mandou conferir os animais dos judeus e novamente foi humilhado pelo povo que estava por baixo, ou melhor, humilhado pelo Deus daquele povo.

 

Os crentes comprometidos são muito humilhados, mas não perdem por esperar.

Um dia tudo vai inverter: Deus humilhará os arrogantes e exaltará os humildes: Lc 14.11


v.8-12

Sem nova chance, a 6ª. praga: tumores nos homens e animais.

Moisés e Arão jogam cinza ao ar que se tornam tumores e úlceras nos homens e animais.


1a. vez que Deus agride diretamente a saúde de pessoas.


Humilhação final dos magos: saíram de cena, doentes!

Agora sim, pela 1a. vez Deus endureceu o coração de Faraó.

Parece muito natural falarmos assim, mas procure endurecer o coração de alguém!


v.13-17: 7ª. praga: chuva de pedras

Pergunta natural: “Por que Deus não esmaga logo de uma vez?”

Aqui a resposta: foi de propósito, para mostrar o Seu poder e ser conhecido no Egito.

Conhecido não para ficar famoso, mas para ser adorado!

Ou seja, Deus estava em plena “campanha evangelística”, talvez a mais estranha que já houve na face da terra!

Mas, na base de tudo, o que Ele queria era salvar almas! Tal como hoje!


v.18: Nova ameaça, com dia e hora marcados: chance de arrependimento.


v.19-25

Impressionante a sugestão para recolher o gado: mostra misericórdia de Deus!
Muitos podem não gostar, mas o aviso do inferno também mostra misericórdia de Deus.


Mas, além de mostrar misericórdia, a sugestão era um teste para ver quem O temia.

Os oficiais se dividem em dois grupos: os que temiam a palavra do Senhor (que recolheram os servos e o gado) e os que não se importavam (não fizeram nada).

A rigor, a humanidade toda se divide em duas: os que são e os que não são de Cristo.


Cai violenta chuva de pedra misturada com fogo (talvez relâmpago).

Pelo estrago, parece que a maioria não ouviu, rejeitou a Deus: típico.


v.26: judeus novamente poupados.


v. 27-29

Cada vez Faráo fala mais, quando manda chamar a Moisés.

Agora diz várias coisas:

* pequei desta vez

Sutileza: ele assume a culpa, mas de modo diminuído. Isso levanta a suspeita de que não se arrependeu.

O Senhor é justo, porém eu e o meu povo somos ímpios

Pela 1a. vez que fala de um ATRIBUTO de Deus. E pode até ter sido sincero.


v.30

Moisés não se iludia: Faráo e oficiais (maioria) ainda não temiam a Deus.


Se alguém se declarar crente mas você não ver sinais de conversão, procure mostrar isso a ele e sugerir que se auto examine com rigor.


v.31-32: parênteses

v.33-35:

Moisés ora, a praga cessa, mas, vendo alívio, Faraó novamente recusa.

Aprendeu muito sobre Deus e inclusive falou abertamente, mas não abriu o coração. E seria responsabilizado por isso.


Quando a Palavra de Deus é anunciada, dois resultados: salvação e rejeição, uns cheiro de vida para vida e outros cheiro de morte para morte.

Procure dizer para o seu ouvinte: Cuidado com o que você já sabe!


Que Deus nos abençoe. Amém



Ministério Falando de Cristo
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." (1 Co 1.24b)
Copyright 2004-2012. Todos os direitos reservados. http://www.falandodecristo.com