Um site para quem precisa da Verdade
PREGAÇÕES

Uma união consagrada


Mauro Clark - 02/09/2018
61 minutos





UMA UNIÃO CONSAGRADA


União na igreja não é tudo, tem de ser uma união consagrada!


Rm 15.5-6: faz parte da própria essência da igreja ser unida.

Na figura clássica da igreja, CORPO, é exatamente a idéia de diversidade dentro de uma UNIDADE que é enfatizada: Rm 12.4-5; 1Co 12.12-13.

Aos olhoas de Deus, é tão sem sentido uma igreja desunida quanto um corpo sem união entre os membros.


O que significa uma IGREJA UNIDA?

Antes, vejamos o que NÃO significa:

* Não significa que todos pensam de modo igual. Pode e DEVE haver pensamentos diferentes dentro de certas áreas.

* Não significa que todos tem o mesmo gráu de relacionamento uns com os outros.

É normal que cada um tenha seus amigos mais chegados. Isso varia com idade, sexo, classe social, etc.

* Não significa que todos vão para todos os programas da igreja. Ex.: Mocidade: jovens; Soc. Femin: senhoras.


Características de uma IGREJA UNIDA. Entre outras:

1. Base de tudo: DOUTRINA: Rm 16.17. 
Impossível união espirtual plena com doutrina diferente (base da posição de separação do Batista Regular).


2. Clima na igreja de muita consideração mútua, com relação aos outros: Fp 2.3. 
Em suma, não se achar melhor que os outros em termos espirituais.


3. Disposição de ceder quando a maioria pensa diferente de você: Rm 12.16

(Não a ponto de violentar a própria consciência, especialmente em questões doutrinárias. Nesse caso, o melhor é pacificamente procurar outra igreja).


Em tese, aí está a questão da UNIÃO da igreja.

Agora é só colocar em prática. Fácil, não?

Não, ao contrário, é muito difícil.

Por que? Porque somos falhos, pecadores, cheios de defeitos e, por isso mesmo, difíceis de lidar. Expressão conhecida: pior coisa é lidar com gente!

E igreja está cheia de gente!

Mas será que essa dificuldade ocorre mesmo numa igreja, onde todos são crentes?

Infelizmente, sim. Primeiro porque nem todos são crentes.

E mesmo os verdadeiramente salvos ainda não são perfeitos. (Quem dera que fossem!).

Colocar dezenas de pessoas juntas, encontrando-se várias vezes por semana, trabalhando juntas, etc.: tudo isso pode gerar grandes tensões nos relacionamentos.

A união está constantamente sendo AMEAÇADA.

E então, que solução haveria para que a UNIÃO fôsse mantida?


Segundo ponto:

 

CONCENTRAR-SE NA PRÓPRIA SANTIFICAÇÃO

2Tm 2.21; Hb 12.14; Ef 6.5-6

Quero enfatizar a importância fundamental da consagração individual de cada crente na união da igreja.

É através da consagração pessoal que o crente vai recebendo os frutos do Espírito e as virtudes necessárias para difícilima arte de conviver com os outros em amor:

Ef 4.2: humildade e mansidão para suportar os outros;

Cl 3.13: misericórdia, bondade e longanimidade para suportar e perdoar os outros;

Rm 15.1-6: paciência e senso de igualdade para suportar os mais fracos (“união” no v. 6)


Ora, Paulo jamais teria escrito essas coisas se fôsse fácil se relacionar com os irmãos!


Termino com duas observações:

1. Essa consagração NÃO é apenas vir aos cultos, orar de joelhos, etc. (embora essas coisas sejam importantes).
Consagração é disposição íntima de agradar a Deus vivendo conforme os padrões dEle. 
* Um crente que namora com descrente pode vir a todos os cultos, mas não é um crente consagrado a Deus
* Um crente que mente pode ser o maior dizimista da igreja, mas não é um crente consagrado a Deus 
* Um crente que vive falando mal dos outros, pode ser o presidente de um grande departamento da igreja, mas não é consagrado a Deus.

Em suma, consagração é vida cristã pura, nos caminhos do Senhor (mesmo a alto custo).


2. A unidade não é algo natural, automática, mas deve ser alcançada com esforço e determinação.
Ef 4.1-3: esforçando-vos diligentemente por preservar a unidade do espírito.
A obra da santificação é do Espírito. Os dons são dEle, mas é fundamental haver vontade, disciplina por parte do crente.


Sejam pessoalmente consagrados a Deus e voces serão coletivamente unidos por Deus e para Deus.

Que Deus nos abençoe. Amém



Ministério Falando de Cristo
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." (1 Co 1.24b)
Copyright 2004-2012. Todos os direitos reservados. http://www.falandodecristo.com