Um site para quem precisa da Verdade
PREGAÇÕES

Série Êxodo 43 - Ex 17.1-7 - Não tente a Deus


Mauro Clark - 10/02/2019
34 minutos




Êxodo 17.1-7

Série "Êxodo" 43 – Ex 17.1-7: Não tente a Deus


Apesar de poucas semanas de viagem, história quase repetida: problema, murmúrio contra Moisés, que diz que não é culpa dele e clama a Deus.


Desta vez, faltou água. Da outra vez, havia água, mas era amarga, não bebível.

Pergunta: Não seria melhor Moisés traçar a rota de viagem com mais cuidado?

Só que não era Moisés quem traçava a rota:

... fazendo suas paradas, segundo o mandamento do Senhor

Veja que o próprio Deus é quem dirigia o povo em cada detalhe.

E como é que Deus leva o povo para um local sem água?

Parece até que os problemas eram criados ou, no mínimo, permitidos pelo próprio Deus.

Parece, não, era de fato!

Só que obviamente Deus tinha um propósito, e benigno, com o povo: exercitá-lo na fé.


Seria tão bom se Deus dirigisse minha vida em cada detalhe!

Mas Ele dirige! Pelo Espírito Santo: Rm 8.14; Gl 5.18.

Talvez você é que não sente ou não quer sentir, ou resiste.


O povo reclamou duramente, com acusação fortíssima e injusta:

Moisés clama a Deus, sofrido, magoado:

só falta apedrejar-me

Além de tudo, parece que estava amedrontado.


Deve ser extremamente desagradável e antiproducente um líder com medo do grupo.

Nunca amedrontem seus pastores com ameças (veladas ou não), indiretas, etc.

Tem algo contra algum deles? Chame, olhem nos olhos, conversem.

E, se for necessário, podem até convidá-los a sair, mas sempre com alto nível cristão.


Voltando:

Deus manda Moisés ir à frente com os anciãos, com a vara com que tinha ferido o rio no Egito. Parece que a pedra estava afastada da congregação e Deus queria que os anciãos vissem Moisés fazendo o milagre.


Situação lamentável:

* A mesma vara que fizera milagres para o incrédulo Faraó, agora tendo que ser usada para acalmar um povo rebelde, agressivo.

* Os mesmos anciãos que Deus mandou acompanhar Moisés quando foi falar com Faraó, agora acompanham Moisés.

* O mesmo povo que já vira grandiosos milagres, precisando ver de novo por não confiar em Deus.


É uma pena quando Deus encontra dentro da Igreja o mesmo tipo de incredulidade, de endurecimento, de desconfiança, que encontra lá fora no mundo.

A igreja deveria ser, por excelência, um grupo que descansa em Deus em vez de provocá-Lo, que suporta as aflições com serenidade, que pede em vez de exigir, que se humilha em vez de criticar.


Mais um milagre: Moisés feriu a rocha com a vara e saiu água em abundância.


1Co 10.4: A pedra era tipo de Cristo.

Cristo estava presente o tempo todo, como o povo, abençoando, dirigindo, acompanhando, alimentado, protegendo.


Interessante: consta que os judeus tinham uma lenda que dizia que, após dar água, aquela rocha seguiu os judeus pelo deserto.

De fato, seguiu! Não fisicamente, mas, como Paulo disse, figuradamente.

Mas lembre que o fato de ser figuradamente, não significa que fosse menos real! Era o próprio Jesus Cristo!


E já que pedra é tipo de Cristo, podemos uma fazer bonita analogia: a pedra deu água, vida, após ser ferida pela vara.

Cristo deu vida eterna após ser ferido na cruz: Is 53.5; 1Pe 2.24


Meribá: briga, discussão. Discutiram com Moisés.

Massá: tentação, lit. prova, teste. Queria testar se Deus estava com eles.


Está o Senhor no meio de nós ou não?

Parece inacreditável fazerem esta pergunta. Que prova eles precisariam mais de que Deus não somente estava entre eles, mas estava entre eles para protegê-los, arrancá-los do Egito, leva-los para a Terra Prometida!

O fato de Deus permitir grandes dificuldades, não significava que não estava com eles para ajudá-los.

Esse incidente marcou muito o coração de Deus, mandando registrar nas Escrituras:

Dt 6.16; 8.11-15; 9.22; Ne 9.15; Sl 78.15-17; 95; 105.41; 114.7-8; Is 48.21.


Muitas vezes quase nos encontramos fazendo essa mesma pergunta.

Depois de tudo o que Deus fez com você, é uma pergunta inacreditável!

As dificuldades, em vez de lhe levarem a achar que Deus não está lhe ajudando, deve ter o efeito contrário: é prova de que Deus está com você! Ele quer lhe ensinar, lhe levar para ainda mais perto dEle!


Que Deus nos abençoe. Amém



Ministério Falando de Cristo
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." (1 Co 1.24b)
Copyright 2004-2012. Todos os direitos reservados. http://www.falandodecristo.com