Um site para quem precisa da Verdade
PREGAÇÕES

Muito obrigado, Senhor!


Mauro Clark - 06/08/2017
61 minutos




Colossenses 3.15c

MUITO OBRIGADO, SENHOR!


Cl 3.15c: E sede agradecidos


Mesmo rapidamente, Paulo toca num assunto extremamente importante: gratidão a Deus.


Por trás da necessidade de sermos gratos a Deus, obviamente está o fato de que Ele nos favorece, Ele dos dá, Ele nos ajuda, ou seja, é inteiramente favorável a nós.


Desde cedo Deus instruiu seu povo a ser grato: Dt 8.10

Os salmistas tocaram muito nesse ponto: Sl 100.4


Por que a Bíblia insiste em nos lembrar sobre a necessidade de sermos gratos a Deus?

Afinal, se cremos que tudo o que temos vem dEle, então o agradecimento não deveria ser uma coisa natural?

Claro que sim. Mas é que o velho homem é ingrato por natureza.

E já dissemos que infelizmente ainda temos várias características dele.

Cada vez que somos ingratos, estamos exibindo uma carnalidade típica do velho homem.

E com isso, magoando Deus.

Ele é muito sensível com a ingratidão:

* Os homens de Deus atestavam: Dt 32.1-6; Ne 9.25-27

* Jesus se ressentiu com os 9 leprosos que não voltaram: Lc 17.15-18


Mas não deve ser assim com o novo homem, o crente, que deve ser grato.

Se tivéssemos conseguido fazer morrer completamente o velho homem e deixado apenas o novo homem viver em nós, seríamos naturalmente gratos, sem ninguém mandar.

Jesus foi assim. Ele era grato por natureza: Jo 11.41-42; Lc 10.21; Mt 15.35-36

E do jeito que Deus se ressente com a ingratidão, se alegra com a gratidão.


PELO QUE devemos agradecer a Deus?

* Sustento físico: Rm 14.6-7; 1Tm 4.3-5; At 27.35

* Por livramento físico: Jn 2.6-9 - até Jonas!

* Por Ele próprio! Quantas vezes você tem agradecido a Deus por Ele existir?
  Agradeça pelos atributos dEle: * santidade: Sl 30.4; 97.12
                                                 * bondade e misericórdia: Sl 136.1
                                                 * sabedoria e poder: Dn 2.23

* Por Cristo:  * livramento do pecado por meio dEle: Rm 7.23-25
                    * vitória sobre a morte: 1Co 15.57                 

                    * poder e reino de Cristo: Ap 11.15-17


* Pelo efeito da Palavra dele nos que a acolheram: 1Ts 2.13

* Libertação do pecado e coração obediente à Palavra: Rm 6.17

* Pela companhia de irmãos: At 28.15. Já agradeceu por irmãos citando pelo nome?

* Por tudo! 1Ts 5.18; Ef 5.20


“Mas, pastor, quando fala “tudo”, é tudo que seja agradável, não é?”

Não. Tudo mesmo. Até as dificulades? Sim. E as doenças? Sim. E as mortes? Sim.

Na base: Rm 8.28 , ou seja, o que ocorre conosco é para o nosso bem.

Muitas coisas que chamamos de boas não são obrigatoriamente agradáveis.

São boas porque nos edificam, nos ensinam, nos colocam mais perto de Deus.

É razoável agradecermos a Deus por nos proporcionar coisas benéficas.

A rigor, quando um filho é fisicamente disciplinado pelo pai, deveria chegar e dizer: “Pai, obrigado, pai, por aquela disciplina.”

Agora, claro que nenhum menino agradece ao pai por uma disciplina, não deixar jogar bola doente, etc. Não agradece porque não tem mentalidade, mas bem que deveria.

E quando adquire mentalidade, já passou da idade de disciplina. Aí olha para trás e diz: “Puxa, como eu reclamei quando meu pai fez o que era certo!”

Claro que nunca obriguei meus filhos a me agradecerem por uma disciplina. Mas fazia questão de mostrar a eles que mereceram e que precisavam daquela correção.

Queria transmitir a idéia de que eu fizera com eles algo benéfico, um favor.


Não caia no erro infantil de só agradecer ao Pai celeste por coisas gostosas, agradáveis.

Seja maduro e reconheça que bênçãos também chegam na forma de problemas.


Termino com um alerta e uma exortação sobre gratidão a Deus:


Alerta: não esqueça de agradecer por coisas de rotina.

Você tem agradecido pelo ar que respira? E pelo emprego antigo? Por um por do sol?


Exortação: agradeça a Deus por coisas pequenas.

Lembre-se: Deus é detalhista!

* Quando calçar o sapato, agradeça!

* Ao ouvir o canto de um passarinho, agradeça!

* Ao dar uma pequenina esmola, agradeça!

Com certeza você vai alegrar o coração de Deus com esses detalhes e sendo grato.


Aprendamos a ser gratos a Deus em tudo. Nas coisas rotineiras e nas esporádicas, nas grandes e nas pequenas.

E não apenas nos momentos formais de oração. Mas sempre, continuamente.


Uma palavra ao não-crente:

Não é apenas o crente que deve dar grças a Deus, mas todos: Sl 150.6

Mas infelizmente a maioria não faz isso: Rm 1.21 - o pecado não deixa.

Pois livre-se dessa situação e torne-se grato a Deus.

Cristo lhe oferece salvação para lhe tirar da incredulidade, da ingratidão.

A melhor maneira de mostra gratidão a Deus é aceitando o presente maior que Ele deu à raça humana: Cristo.

E que Deus nos abençoe a todos! Amém



Ministério Falando de Cristo
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." (1 Co 1.24b)
Copyright 2004-2012. Todos os direitos reservados. http://www.falandodecristo.com