PREGAÇÃO

Orar nunca foi fácil

      31 minutos      30/06/2013         

Mauro Clark


headset Ouça
cloud_download Baixe
print Imprima
pregação close Orar nunca foi fácil
volume_upReproduzindo o áudio na barra inferior


Esta não é propriamente uma pregação, mas uma reflexão sobre um certo assunto.

Citarei as seguintes passagens não para pregar sobre elas, mas para que, juntas, sirvam de prova para uma característica do apóstolo Paulo:

Rm 1.9-10; Ef 1.15-17; Fp 1.3-5; 1Ts 1.1-3 (com Silvano e Timóteo); 2Tm 1.3

Obviamente a característica é que Paulo era um homem de oração.

 

Você pode dizer que é um crente de oração, assim como Paulo? Não? Por que?

Falta de tempo? E você acha que Paulo era um homem ocioso, folgado?

 

A reflexão é: Por que motivo o crente em geral, não é forte em oração?

Minha resposta: oração é um exercíco puramente espiritual

E como, a meu ver, a falta de espiritualidade é o grande mal dos crentes hoje, a oração se torna um exercício mal feito.

 

De todas as atividades cristãs, a oração é a que exige mais espiritualidade.

Por que? Quatro motivos:

 

1. Não usa nenhum dos 5 sentidos (visão, olfato, audição, fala e tato). Só a mente

* Leitura da Bíblia exige os olhos.

* Ouvir uma pregação: ouvidos e olhos.
* Falar o Evangelho: fala, ouvidos e olhos.

A oração usa apenas a mente. Torna-se, então, uma atividade de alta concentração, cansativa e até monótona.

2. É um monólogo

Os pensamentos, as idéias, os argumentos, TUDO tem que sair de dentro de você.

A mente não tem estímulo humano externo, como numa conversa, ou numa audição.

 

3. Não tem incentivo imediato
* Ao evangelizar, você vê o outro pensando, reagindo, sente-se útil a ele
* Assistindo aula, você sabe que aprendeu algo, aumentou seu conhecimento
Na oração você não vê ninguém, não vê reação de ninguém,não altera seu conhecimento

 

4. Não tem retorno imediado: sensação de tempo mal investido
* Com a leitura da Bíblia você conhece melhor as passagens, decora versículos, entende melhor as pregações;
* No evangelismo, quando o outro se converte é um êxtase.
* Coral: horas de ensaio recompensadas por uma bela apresentação
* Na aula você se sente crescendo
Mas numa de vida de oração o resultado aparece lentamente, quase sem perceber.

 

Ocorre então algo curioso: por um lado, a oração é um dos exercícios mais difíceis da vida cristã.

E por outro, a oração é uma das atividades mais poderosas ao alcance do crente, é insistentemente recomenda pela Bíblia, altamente valorizada pelo próprio Deus.

 

O que fazer? Exercitar! Exercer disciplina. Não há outro caminho.

 

Não precisa dizer que os resultados serão fantásticos!

Além de aumentar nossa comunhão com Deus, tornará mais eficientes e agradáveis todas as outras atividades que comentamos.

Através da oração, recebemos ESTÍMULO ESPIRITUAL espetacular:

* Recebemos mais sabedoria (como pedir sabedoria, Tg 1.5, senão em oração?)

* Recebemos mais compreensão das Escrituras.
* Seremos mais orientados pelo Espírito Santo ao evangelizar

* Reconheceremos com mais nitidez o nosso dom (ou dons) para servir na igreja

* Receberemos com mais clareza a chamada para algum ministério

 

Isso, falando apenas de atividades diretamente espirituais.

Mas outras áreas da vida (nossa e dos outros pelos quais oramos) serão maravilhosamente afetadas pela oração: saúde, emprego, dinheiro, felicidade.

Tudo isso está nas mãos de Deus!

Pois é a oração que TOCA O CORAÇÃO de Deus e faz com que Ele aja em nosso favor e dos beneficários das nossas orações.

 

Todo o esforço que você dedicar à oração será plenamente recompensado.

Seja mais como Paulo. Ore mais, muito mais!

 

Uma dica final: quando alguém vai fazer exercício pesado, se prepara.

Pois quando for orar, vá sabendo que estará iniciando um exercício espiritual difícil.

Só essa atitude pode fazer grande diferença nas suas orações.

Talvez muitas orações saiam fracas exatamente por falta de preparo, de conscientização que irá fazer algo que exigirá muito suas energias espirituais.

Pois deixe exigir, deixe cansar, mas você verá sua alma deliciosamente recompensada.

 

Que Deus nos abençoe. Amém  

 

Mauro Clark, 69 anos, pastor, pregador e conferencista, foi consagrado ao ministério em 1987. Iniciou em 2008 a Igreja Batista Luz do Mundo, que adota a posição Batista Regular. Mauro Clark é também escritor. Produziu artigos em jornal por dez anos e tem escrito vários livros de orientação e edificação cristã. Em 2004 instituiu o Ministério Falando de Cristo.
FalandodeCristo © 2004-2021
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus."
1 Co 1.24b
close
Ministério Falando de Cristo © 2004-2021 - www.falandodecristo.com
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." 1 Co 1.24b