PREGAÇÃO

CASAIS: Amor ao filho e disciplina 3 (Série VOCÊ AMA O SEU FILHO? ENTÃO DISCIPLINE-O! 3 de 4

Hb 12.4-13      49 minutos      25/07/2014         

Mauro Clark


headset Ouça
cloud_download Baixe
print Imprima
pregação close CASAIS: Amor ao filho e disciplina 3 (Série VOCÊ AMA O SEU FILHO? ENTÃO DISCIPLINE-O! 3 de 4
volume_upReproduzindo o áudio na barra inferior

(O texto total é o mesmo para as quatro pregações da série, mas os áudios são diferentes, pois abrangem apenas parte desse texto)


Família humanamaquete da família divina.

Guardadas as proporções, os membros de uma família devem imitar os relacionamentos entre a família divina.

No assunto da DISCIPLINA de filhoDeus é disciplinador.

Veremos alguns pontos, aplicando para os paisquanto à disciplina dos filhos.

 

1) Deus corrige e açoita os filhos dEle - v.6

Dois verbos:

corrigir: gr. παιδευω paideuo: instruir criançaorientarrepreender e também disciplinar.

açoitar: gr. μαστιγοω mastigoo usar açoitechicotevaradisciplina física

Deus nos instrui, nos repreende e também nos castiganos açoita.

 

É natural, portanto, que, no trato dos filhos, Deus mande que os pais O imitem.

Instruçãocorreção:

Dt 6.5-7: antes de inculcar no filho, precisa ter no coração!

Pv 22.6

Ef 6.4b (comentarei a 1ª. parte do versículo depois):

disciplina: παιδεια paideia

admoestação: νουθεσια nouthesia: admoestação, exortação

... do Senhor: com base nos princípios do Senhor

Por sua vez, os filhos devem obedecer no Senhor: Ef 6.1: o Senhor é o centro de tudo.

 

Açoite com vara:

Pv 22.15:

estultícia: insensatez, falta de juízo

... vara... a afastará dela: não tirará do coração, mas a manterá afastada da prática.

E por que afastará? Porque apanhar de vara dói. Só isso! (*)

 

Pv 23.13-14

fustigar: palavra forte: atingir, golpear, bater

infernoשׂאל sh ̂eol: melhor traduzir aqui sepultura ou morte física.

Ou seja, a disciplina física ajudará a criança a ser adulto educado, o que lhe poupará de grandes males, talvez até mesmo da morte!

Não morrerá: Duas coisas:

1. Implícita a necessidade de disciplinar sem violência

2. É mais fácil morrer se NÃO apanhar quando criança!

 

Pv 26.3

insensato: passagem abrangente: ou filho insensato (em idade de correção) ou mesmo um adulto, a ser disciplinado pelas autoridades competentes.

Quando a exortação e a ameaça não funciona, a solução é a mesma da dos animais: dor.

 

 

2) O MOTIVO pelo qual Deus açoita é porque RECEBEU como filho, e O AMA - v.6

Ou seja, disciplina é CONSEQUÊNCIA do amor e um ATO de amor.

Deus nunca separa a disciplina aos Seus, da ideia de bondade, de amorSl 89.30-33

 

Parece que muitos pais têm dificuldade de entender isso. Mas bem que deveriam:

Pv 13.24

aborrece: odiar, contrário de amar

Parece que muitos pais pensam exatamente o contrário: porque ama, não bate!

cedo: quão cedo? Tão logo a criança mostre algum tipo de compreensão.

Quando pai ou mãe deixa de disciplinar, é como se estivesse mandando uma mensagem ao filho: “Eu NÃO lhe amo! Não estou disposto a dedicar toda a energia e esforço necessários para lhe educar.”

 

3) Ao disciplinar Seus filhosDeus mostra o quanto valoriza a PATERNIDADE - v.7-8

Em outras palavras, se Deus não disciplinasse alguém, é porque não estaria considerado aquele alguém como filho. É como se fosse um bastardo (ilegítimo).

Quando pai ou mãe deixa de disciplinar, está tendo grande DESCONSIDERAÇÃO para com seu filho. Equivale dizer:

- Eu lhe trato como se você nem fosse meu filhonão merece a minha atenção. (**)

 

4) A disciplina do Pai visa aprendermos SUBMISSÃO e RESPEITO a Ele - v.9

submissão: υποτασσω hupotasso: sujeitar, colocar em sujeição, submeter ao controle de alguém, render-se à admoestação ou conselho de alguém

Strong: “Um termo militar grego que significa “organizar tropa sob o comando de um líder”. Em uso não militar, era “uma atitude voluntária de ceder, cooperar, assumir responsabilidade, e levar um carga”.

Qualquer filho tem a obrigação, dada pelo Criador, de submeter-se à autoridade do pai do modo que um crente tem de se submeter à autoridade do Pai celeste.

 

Quando pai ou mãe disciplina filho, está ensinando-o a RESPEITÁ-LO mais.

Submissão e respeito numa só passagem: 1Tm 3.4:

disciplina: gr. υποταγη upotage sujeição

respeito: σεμνοτης semnotes: característica de algo ou pessoa que dá o direito à reverência e respeito, dignidade, majestade, santidade.

 

E respeito anda bem perto de TEMOR.

Qual o princípio da sabedoria? Temor: Pv 9.10

O crente não deve ter medo de Deus, mas temor, sim. E muito!

 

Diga para o seu filho: “Você vai apanhar agora para aprender a me respeitar.”

E fique certo que naturalmente virá temor a você e isso é ótimo!

Isso é totalmente diferente de medo.

Medo é a expectativa de que alguém lhe fará mal. E Deus nunca faz mal!

Um adulto não tem medo do dentista, mas da dor que o trabalho do dentista provoca.

 

5) A disciplina de Deus, mesmo dolorosa, produz RESULTADOS EXCELENTES -v.11

Veja como a Bíblia não esconde o fato de que disciplina produz dor:

 

tristezaλυπη lupe: tristeza, dor, angústia

Hoje em dia parece um crime se pensar na possibilidade de infligir dor numa criança.

Mas esse é o método que o próprio Deus criou para educar filho, pois embora pareça forte e agressivo, é extremamente BENÉFICO.

Depois produz dois tipos de frutos:

* fruto pacífico: ειρηνικος eirenikos: tranqüilo, que traz a paz consigo, sereno

Impressionante como é fácil comprovar essa verdade na educação de filhos.

Todo pai já viu que, depois de uma disciplina exemplar, o filho fica um “cordeirinho”.

 

* fruto de justiça: integridade, sentimento e ações corretos

Olhando de maneira abrangente, de disciplina em disciplina, o filho vai ficando mais dócilmais educado, mais correto na vida.

valor desse tipo de educação é INCALCULÁVEL para ele. Vai ajudá-lo na vidaem todos os tipos de relacionamento: no namorocasamentotrabalhoamizades, etc. (***)

 

6) Deus quer que os Seus filhos VALORIZEM a importância da disciplina - v.5

Disciplina de filho não era novidade do VT: Pv 3.11-12

Pai ou mãe não deve perder oportunidade de deixar claro para o filho a importância da disciplina, e que esta jamais deve ser desprezada.

Isso pode ser feito naturalmente, ao longo das conversas normais.

 

7) Deus ANIMA os filhos disciplinados (no casoatravés do autor de Hb) - v.5, 12-13

v.5: não desmaiesdesmaiar: gr. εκλυω ekluo: desanimar, perder a força, afrouxar

v.12: restabelecei mãos descaídas... joelhos trôpegos: reaja com firmeza, sem dengo.

 

Para animar, é altamente recomendável uma conversa tranqüila algum tempo depois da surraquando tiver passado o choro, a raiva, a adrenalina tiver baixado.

Conversa não apenas sobre aquela surramas o valor da disciplina em termos gerais.

 

8) Em vez de semelhança entre filho-pai e crente-DeusCONTRASTE:

Disciplina de Deus é permanente, a dos pais é provisória, “por pouco tempo”. - v.10

Bíblia não comenta idade para cessar de disciplinar fisicamente.

Certamente varia de pai e mãe (e também da personalidade e comportamento do filho).

Em geral, filho bem educado raramente precisa de disciplina física após 8 ou 9 anos.

Uma coisa é certaquanto melhor tiver sido a educação, incluindo a disciplina físicamais cedo desaparecerá a necessidade de disciplina.

É implícito que a disciplina de Deus durará enquanto estivermos na terra.

 

Sugestões adicionais:

a) Não ABUSE na disciplina:

Em termos FÍSICOSPv 19.18

  Bom procedimento: não bater com raivapois terá dificuldade de manter o controle.

  Meu paiantes de bater, conversava, explicava. Raiva ZERO.

* Termos EMOCIONAISCl 3.21 (desanimado, abatido); Ef 6.4a (exasperar, levar à ira)

 

b) Disciplina tem grande valor espiritualPv 23.13-14

 

c) Muito vexame e vergonha que pais e mães enfrentam em público com crianças mal educadas, é exatamente por FALTA de disciplinaPv 29.15

 

d) Não deixe que filho se sinta vítima quando é disciplinadoVítima são os pais. O pai é que foi desrespeitado. O pai sofre ao bater num filho amadoNão canse de dizer isso para ele.

 

e) Bata para doer.

Patético mãe que bate com chinela de panosem força, e deixa os filhos gozando dela.

 

 

PERGUNTAS E RESPOSTAS:

CASTIGO tem apoio bíblico?

Sim, acho que podemos inclui-lo na idéia de corrigir.

 

- Tem sentido pai surrar por ofensa feita à mãe?

Simembora ideal é que o próprio ofendido surre.

 

- É razoável bater automaticamente nos doisquando os encontra brigando?

NãoUm pode ter sido provocado além do limiteOu pode estar se defendendo.

Importante pai bater sabendo PORQUE está batendo, e o filho saber porque está apanhando.

Eu perguntava, com chinelo na mão: "Me diga exatamente porque você  está apanhando".

 

Encerrar com versículo que dispensa comentárioPv 29.17

Que Deus nos abençoe.  Amém 

Mauro Clark, 69 anos, pastor, pregador e conferencista, foi consagrado ao ministério em 1987. Iniciou em 2008 a Igreja Batista Luz do Mundo, que adota a posição Batista Regular. Mauro Clark é também escritor. Produziu artigos em jornal por dez anos e tem escrito vários livros de orientação e edificação cristã. Em 2004 instituiu o Ministério Falando de Cristo.
FalandodeCristo © 2004-2021
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus."
1 Co 1.24b
close
Ministério Falando de Cristo © 2004-2021 - www.falandodecristo.com
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." 1 Co 1.24b