PREGAÇÃO

Série Agindo como Jesus 34 - Jo 6.25-26: Interesse em Cristo é o que interessa

Mauro Clark | 01/09/2019
34 minutos

headset Ouça
cloud_download Baixe
print Imprima
pregação close Série Agindo como Jesus 34 - Jo 6.25-26: Interesse em Cristo é o que interessa
volume_upReproduzindo o áudio na barra inferior



Contexto: Dia seguinte à 1a. multiplicação dos pães e peixes, o povo procurou Jesus à beira do Mar da Galileia e não O encontrou, nem aos discípulos. Então foram à procura dEle em Cafarnaum, do outro lado do lago.  

Jesus não respondeu (às vezes Ele também respondia com outra pergunta).

Não por indelicadeza, mas porque queria ir direto ao ponto.

No caso, eles não estavam interessados nos milagres de Jesus, nos benefícios, no que Ele tinha a ensinar, transmitir, e requerer deles.

Em suma, não estavam interessados na Pessoa de Jesus.

O que eles queriam mesmo era comida, encher a barriga!

Acho difícil não enxergar a mágoa de Jesus com tantas pessoas à frente, interessadas em si próprias, querendo dEle apenas comida.

E Ele tinha tanto, tanto para ensinar, orientar, beneficiar, dar...

 

Seguiu-se um longo e tenso diálogo entre Jesus e o povo. No final, alguns discípulos chegaram a abandoná-Lo (v.66), achando o discurso muito duro (v.60).

 

Como vamos imitar Jesus nessa Sua reação?

É comum encontrarmos alguém que gosta de conversar sobre a Bíblia, vem aos cultos de vez em quando, mostra-se interessado em discussões religiosas, elogiam a igreja etc.

Mas faz isso NÃO por estar interessado na Pessoa de Cristo para salvar a sua alma!

Há outros propósitos, alguns talvez até sem perceber:

* Acha importante ter uma religião e acostumou-se com alguma atividade religiosa

* Tem boa cultura e gosta de discussões filosóficas

* Quer agradar alguém

* Está passando por problema (saúde, finanças etc.) e quer se agarrar a Deus até passar

* Gosta de assuntos polêmicos

* Alivia a consciência, sentindo-se cumpridor das obrigações religiosas

 

Utilizando o princípio de Jesus, havendo oportunidade, seja franco com essa pessoa.

Diga que conversas e presenças na igreja, em si, não resolverão a sua situação espiritual.

Confronte-o com o fato de que o mais importante, o fundamental, ele está deixando de lado: a necessidade de se arrepender e aceitar Cristo.

Mesmo que ele conseguisse estar frente a frente com Cristo, de nada adiantaria para a salvação dele, se não fosse no âmago do que Cristo fez por ele.

E se fosse com outros interesses, como aqueles judeus, certamente iria ouvir de Jesus a mesma coisa: “Você não está me procurando pelo motivo correto”.

 

Alerte pessoas que estão nessa situação, que estão perdendo precioso tempo de vida.

 

Uma palavra a nós próprios, crentes: Infelizmente é fácil perder de vista o interesse na Pessoa de Cristo. O mundo, a carne, o diabo conspiram contra isso. Mas fique atento.

Questione constantemente os motivos das suas ações.

Por que vou para o culto?

Por que estou lendo a Bíblia?

Por que aceitei concorrer na votação para a diretoria da igreja?

 

Que Deus nos abençoe. Amém

Mauro Clark, 67 anos, pastor, pregador e conferencista, foi consagrado ao ministério em 1987. Iniciou em 2008 a Igreja Batista Luz do Mundo, que adota a posição Batista Regular. Mauro Clark é também escritor. Produziu artigos em jornal por dez anos e tem escrito vários livros de orientação e edificação cristã. Em 2004 instituiu o Ministério Falando de Cristo.
FalandodeCristo © 2004-2019
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus."
1 Co 1.24b
close
Ministério Falando de Cristo © 2004-2019 - www.falandodecristo.com
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." 1 Co 1.24b