PREGAÇÃO

Oração: uma cápsula do tempo

1Tm 2.1      26 minutos      04/08/2013         

Mauro Clark


headset Ouça
cloud_download Baixe
print Imprima
pregação close Oração: uma cápsula do tempo
volume_upReproduzindo o áudio na barra inferior


1Antes de tudo, pois, exorto que se use a prática de súplicas, orações, intercessões, ações de graças, em favor de todos os homens
##########

Nesta exortação para orarmos por todas as pessoas, temos uma sobre oração, apenas na maneira de Paulo utilizar quatro conceitos básicos sobre a atividade de orar.

É sobre essas características da oração que vou focalizar.   

 

1) súplicas: grego δεησις deesis: pedido.

De fato, grande parte de nossas orações é feita de pedido.

Quando pedimos alguma coisa a alguém, é porque reconhecemos 2 coisas:

a) Estamos necessitados

b) O outro pode suprir

Com Deus esses 2 fatores são ainda mais evidentes: precisamos de tudo (nos leva à humildade) e tudo Ele pode nos dar (nos leva a reconhecer o poder e soberania dEle).

Imagine que estranho passar um ano excluindo totalmente os pedidos das suas orações!

Peça à vontade, mas sempre com critério, com responsabilidade.

 

2) orações: grego προσευχη proseuche: palavra geral, para descrever oração a Deus, o que obviamente inclúi louvor a Deus, adoração, comunhão.

Oração mecânica, que não inclui adoração consciente, não é oração.

 

3) intercessões: grego εντευξις enteuxis:

Duas idéias básicas no grego:

a) conversa íntima com alguém 

b) pedidos ao rei ou autoridade.

Encaixa como uma luva no conceito de oração: é uma conversa íntima com Deus, ao mesmo tempo em que fazemos pedidos à maior autoridade do Universo!

 

O que adianta você estar diante de uma autoridade se não tem intimidade com ela e nem temos abertura para lhe pedir qualquer coisa?

 

Já pensou que frustrante estar frente a frente com o Senhor Jesus Cristo apenas para admirá-Lo em toda a Sua glória, mas sem o menor relacionamento com Ele e sem direito de pedir coisa alguma? Seria tortura!

Mas, irmãos, que maravilha: é exatamente o contrário!

Somos íntimos de Cristo e do Pai celestial e podemos pedir o que quisermos.

Tudo isso incluído no privilégio da oração.

 

4) ações de graça: grego ευχαριστια eucaristia: gratidão, agradecimento.

É um outro componente básico da oração.

Seria deselegante e ingrato apenas pedir e não agradecer pelo que foi dado.

 

É interessante quando juntamos esses elementos básicos da oração:

* ações de graça, agradecimento: refere-se ao passado

* louvor, adoração, comunhão:  refere-se ao presente;

* pedido: refere-se ao futuro.

 

Orar é como entrar numa cápsula do tempo e nos sentirmos bem à vontade movendo-nos no passado, presente e futuro diante do nosso Deus.

 

Que Deus nos abençoe. Amém

Mauro Clark, 69 anos, pastor, pregador e conferencista, foi consagrado ao ministério em 1987. Iniciou em 2008 a Igreja Batista Luz do Mundo, que adota a posição Batista Regular. Mauro Clark é também escritor. Produziu artigos em jornal por dez anos e tem escrito vários livros de orientação e edificação cristã. Em 2004 instituiu o Ministério Falando de Cristo.
FalandodeCristo © 2004-2021
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus."
1 Co 1.24b
close
Ministério Falando de Cristo © 2004-2021 - www.falandodecristo.com
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." 1 Co 1.24b