PREGAÇÃO

Falando de graça, fé e amor (Série COLOSSENSES 2 de 30)

Cl 1.3-4,8      57 minutos      06/11/2016         

Mauro Clark


headset Ouça
cloud_download Baixe
print Imprima
pregação close Falando de graça, fé e amor (Série COLOSSENSES 2 de 30)
volume_upReproduzindo o áudio na barra inferior
No final da pregação passada falei que a saudação de Paulo é rica por duas razões:

1. Porque deseja aos irmãos algo da parte de Alguém extremamente especial:

... da parte de Deus...  Tudo o que vier desse Deus é bom.

Além disso, esse Deus Todo Poderoso é algo mais para nós: ... nosso Pai

Ele guarda conosco uma relação íntima, pessoal, direta, amorosa.

 

Continuando hoje:

2. A saudação é riquíssima também pela qualidade do que Paulo desejou aos irmãos:

Graça: favor imerecido, misericórdia, simpatia da parte de Deus.

Desejar a alguém a graça de Deus é melhor do que “parabéns”, “bom dia”, “sucesso”, etc

 

Paz: exatamente a paz da qual Cristo falou em Jo 14.27a: paz que o mundo não conhece.

 

Acho que aqui na Luz do Mundo temos experimentado esses dois presentes de Deus.

Temos visto Deus agindo em nosso meio de forma natural, agradável, fazendo efetiva a pregação e o ensino da Palavra, edificando muitos na fé e convertendo almas, dando-nos vontade de vir adorá-Lo juntos. Isso é graça.

E temos tomado decisões grandes e pequenas, andado juntos, numa paz tão gostosa!

De onde vem essa graça? De onde vem tanta paz? Do nosso Deus e Pai!

Valorizemos essas coisas, nunca as tomando como automáticas.

E devemos não apenas desejar, mas buscar graça e paz da parte de Deus.

 

O v.3-8, é um trecho longo, escrito “de um fôlego só”. Vamos em partes:

 

v.3-4: Paulo fala do seu costume de orar a Deus pelos colossenses.

Primeiro se refere apenas a agradecimentos.

 

Antes de vermos pelo que Paulo agradecia, quero responder à pergunta feita antes: Como míseros pecadores como nós chegamos ao ponto de poder chamar Deus de Pai?

A resposta nasce nessa afirmação:

Pai de nosso Senhor Jesus Cristo

Deus só é nosso Pai porque, antes, Ele é (e sempre foi) Pai do Verbo Eterno e, obviamente, continuou com a relação de Pai para com o homem Jesus de Nazaré, encarnação humana do Verbo.

Jesus Cristo concordou em repartir conosco a condição de termos Deus como Pai.

Pela fé em Cristo fomos perdoados, regenerados, santificados e feitos filhos de Deus.

 

Voltando: Pelo que ele agradecia a Deus quanto aos colossenses? Três coisas:

1. Fé... Fé em que ou em que? “Ah, qualquer coisa! O importante é ter fé!”. Negativo:

... fé em Cristo Jesus: Esse é o único tipo de fé que salva. s

 

2. Amor que tendes para com todos os santos

Esse “todos os santos” deve abranger bem mais do que apenas os crentes da igreja.

De algum modo eles estavam ligados com crentes de outros lugares, prontos para ajudar.

 

Importante: esses dois fatores não são independentes, como possa parecer.

O segundo é consequência direta do primeiro.

Quem tem fé em Cristo, robusta, aperfeiçoada, seguramente terá amor pelas pessoas.

Aliás, o amor de um crente pelas pessoas, é uma medida segura da fé dele.

Não amor puramente humano, que tem algo de Deus, mas é distorcido.

Mas o amor vindo de Deus, como Paulo bem explica mais à frente:

v. 8: ... vosso amor no Espírito

Amor, conforme a Bíblia ensina, é querer o bem do outro e se esforçar para isso. (Entendendo-se como “bem” o que a Bíblia diz que é o bem.

Esse tipo de amor é exclusivo dos crentes, pois é derramado diretamente no seu íntimo pelo Espírito Santo, que ali habita.

 

Na próxima pregação veremos o que é a terceira coisa pela qual Paulo agradecia a Deus quanto aos colossenses.

 

Que Deus nos abençoe. Amém

Mauro Clark, 69 anos, pastor, pregador e conferencista, foi consagrado ao ministério em 1987. Iniciou em 2008 a Igreja Batista Luz do Mundo, que adota a posição Batista Regular. Mauro Clark é também escritor. Produziu artigos em jornal por dez anos e tem escrito vários livros de orientação e edificação cristã. Em 2004 instituiu o Ministério Falando de Cristo.
FalandodeCristo © 2004-2021
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus."
1 Co 1.24b
close
Ministério Falando de Cristo © 2004-2021 - www.falandodecristo.com
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." 1 Co 1.24b