PREGAÇÃO

Deus é fiel com a sua Palavra 2a. parte (Série GÊNESIS 27 de 55)

Gn 21.1-7      24 minutos      21/08/2016         

Mauro Clark


headset Ouça
cloud_download Baixe
print Imprima
pregação close Deus é fiel com a sua Palavra 2a. parte (Série GÊNESIS 27 de 55)
volume_upReproduzindo o áudio na barra inferior
Na pregação passada, vimos que Deus cumpriu a promessa que fizera a Abraão (100 anos) de ter um filho com a esposa Sara (90 anos).

Ao oitavo dia, Abraão circuncidou Isaque. Boa parte da pregação foi explicando a circuncisão, sua relação com o batismo, etc.

Quero ver hoje mais duas lições sobre este texto.

 

1. A obediência de Abraão.

Falamos em mensagem passada de um ponto fraco da fé de Abraão, no caso o medo de ser morto por causa da beleza de Sara - levando-o a contar meias verdades e enfrentar duas situações complicadas e humilhantes, além de expor Sara a um vexame.

Agora quero destacar um ponto forte, fortíssimo da fé de Abraão: OBEDIÊNCIA

* Deus mandou Abraão sair da terra dele, Ur da Caldeia, deixar sua parentela e ir para uma terra distante, que Deus mostraria. E Abraão foi.

 

* Depois Deus mandou Abraão percorrer a terra na largura e comprimento e Abraão obedeceu (Gn 13.17-18)

 

* Depois instituiu a circuncisão e Abraão obedeceu, inclusive com os dois filhos que nasceram - Ismael e Isaque.

 

* Depois Deus mandou Abraão expulsar Agar e Ismael de casa, como Sara queria. E Abraão, sofrendo muito, obedeceu.

 

* Depois Deus mandou Abraão sacrificar Isaque. E Abraão, confuso e obviamente angustiado, obedeceu (sendo impedido no último instante).

 

Isso sem falar que Abraão deve ter agido muitas vezes por instrução direta de Deus (ex.: a ida ao Egito, por causa da fome; dar o dízimo a Melquisedeque; mandar buscar mulher para Isaque, etc.)

 

Se me pedissem um exemplo de obediência na Bíblia, eu diria logo Abraão.

É verdade que ele tomou decisões não sábias, mas nenhuma envolvendo desobediência.

O que Deus mandou, ele fez.

 

Irmão, qual o seu grau de OBEDIÊNCIA a Deus?

* Nas coisas do tipo fazer (orar, ler a Bíblia, dar o “dízimo”, ajudar os outros, congregar-se com os irmãos, etc).

* Nas coisas do tipo não fazer (roubar, mentir, adulterar, etc).

* E especialmente nas coisas mais íntimas do coração: amar a Deus acima de tudo, não amar o mundo, amar o próximo, ser grato, considerar as coisas do alto, etc.)

 

2. A profunda alegria de Sara

v.6-7

É gostoso ver o regozijo de Sara! Isaque significa “riso”, ou “ele ri”.

Através daquele filho Isaque, Deus trouxe muita alegria àqueles pais.

 

Dali para a frente, em momentos de tristeza, Sara deve ter se lembrado daquele dia e de quanta alegria Deus lhe deu através de Isaque.

 

Infelizmente ficamos mais marcados pelos momentos de tristeza e sofrimento do que pelos de alegria e felicidade.

Pode ser que seja porque nossos momentos de alegria são vividos em meio a dificuldades de toda ordem, que nos cercam em grande número.

E o próprio Deus usa as dificuldades para nos aperfeiçoar.

Mas é bom lembrar que Deus não tem para nós apenas tristezas.

Ele nos concede também muita alegria e regozijo - todas elas em Cristo, a começar com o  próprio Cristo, que nos salvou no momento em que cremos nEle.

Deveríamos ser muito mais sensíveis às alegrias que Deus já nos concedeu e nos concede diariamente, e nos deixarmos ser mais afetados por essas ações benignas de Deus em nossas vidas.

 

Não se permita ir para outro extremo e esquecer as maravilhas que Deus já fez por você!

 

Em vez disso, especialize-se em descobrir mais “Isaques” na sua vida, mais motivos de riso que Deus lhe deu.

Especialize-se em dizer, como Sara:

“Quem diria que eu, com o meu passado de pecado, rebeldia, angústia, etc - estaria em condições tão satisfatórias, tão maravilhosas, se deliciando com tanta paz nesta vida e tanta confiança quanto à minha vida eterna!”

 

Que Deus nos abençoe.

 

Mauro Clark, 70 anos, pastor, pregador e conferencista, foi consagrado ao ministério em 1987. Iniciou em 2008 a Igreja Batista Luz do Mundo, que adota a posição Batista Regular. Mauro Clark é também escritor. Produziu artigos em jornal por dez anos e tem escrito vários livros de orientação e edificação cristã. Em 2004 instituiu o Ministério Falando de Cristo.
FalandodeCristo © 2004-2022
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus."
1 Co 1.24b
close
Ministério Falando de Cristo © 2004-2022 - www.falandodecristo.com
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." 1 Co 1.24b